Yes we’re going to a party

perdi os nãos, as (im)possibilidades, e as mentiras. restou eu comigo mesma… e a vontade de talvez dizer sim pra tudo na vida. hoje vejo em mim uma tranqüilidade ridícula. é coisa de um coração que tem se achado importante, coisa de um coração feliz. depois da chuva, sobrou meu sorriso imperativo. e este não sabe ser arrogante pois não há  nada mais a reclamar. cheiro de azul e gosto de tarde. já provou? é liberdade. felicidade. amor.

Tags: , ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: