all in one

enquanto ela ouvia aquela música, sua vida foi passando pela cabeça. como se cada estrofe fosse uma cena. como se cada nota fosse um sentimento.

a música era a sua vida inteira. uma sequência repetitiva ao fundo, essencialmente idêntica, uma após a outra. então pensou que não precisava acontecer nada maravilhoso, inesquecível, perfeito, nada muito diferente do que os momentos atuais.
e que havia muita beleza nisto. como na música.

triste daqueles que não conseguem se deliciar durante a flutuação das notas e avançam até o fim para ouvir o acorde final.

o fim, o grande momento sensacional, será apenas uma grande preparação para a introdução.

Tags: , ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: