say you will

Eu sempre me joguei na vida de uma forma intensa e algumas vezes, descontrolada. em algumas eu cai, em outras, voei. não entendeu? explico:

nasci de 8 meses, bonitinha, mas em menos de 10 minutos, com 3 chutezinhos. na hora que eu decidi, me joguei pro mundo. quando pequena, cai da tonquinha na escadaria da praça lá perto de casa. me joguei porque queria andar com meus irmãos mais velhos mesmo sabendo que não era para mim. quando fiz 18 anos, ganhei um carro. num cruzamento, farol amarelo, me joguei achando que ia dar tempo de passar. não deu. bati o carro. na única vez que pratiquei rafting, o instrutor perguntou quem queria mergulhar na queda que vinha ali pela frente. eu fui. o capacete caiu, a água me levou e quando submergi, adrenalina mil, agradeci por ter me jogado nessa.

tive uma tristeza profunda no ano passado. inimaginável. queda dolorida…acho que quebrou alguma coisa dentro de mim… mas continuo não tendo medo de me jogar. demorou um pouquinho, mas agora já estou pronta. se cair, tenho a força necessária para levantar e pular de novo.

se você não faz, a vida te coloca no lugar. naquele lugar, em que vc precisa decidir se se joga ou não. eu vou continuar me jogando. e de novo. e de novo.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: